Por que utilizar um Refrigerador Científico para guarda de vacinas?

geladeira de vacinas

 

Pesquisas apontam números exorbitantes em perdas de vacinas anualmente por má refrigeração, e até 35% das vacinas são afetadas por armazenamento impróprio. 

 

O Ministério da Saúde, em seu Manual de Normas e Procedimentos para Vacinação (2014), especifica que "embora ainda sejam amplamente utilizados para o armazenamento de imunobiológicos, os refrigeradores de uso doméstico não são mais recomendados para este fim, pois não atendem aos critérios de segurança e qualidade no que se refere à manutenção da temperatura adequada para a conservação dos imunobiológicos. As salas de vacinação que utilizam tais equipamentos devem proceder, no menor tempo possível, à substituição desses refrigeradores por câmaras refrigeradas, cujas especificações constam no Manual de Rede de Frio (2013)."

 

Temperaturas exatas e uniformes no refrigerador são a peça chave para assegurar a vida útil de vacinas, reagentes e outros biológicos. Pequenas variações de temperatura que ocorrem frequentemente em geladeiras domésticas podem comprometer a eficácia dos biológicos, arriscando a perda de milhares de reais em conteúdo valioso.

 

Esses altos valores, juntamente com as normas e requisitos atuais, tornam essencial o uso de um equipamento de refrigeração científica projetado especificamente para o armazenamento de vacinas.

 

A Indrel atende todos os requisitos com sua linha de Refrigeradores para Vacina, e ainda garante 48h de funcionamento sem energia com seu exclusivo sistema Safety System. Conheça nossos equipamentos clicando aqui.

CERTIFICADOS DE QUALIDADE INDREL